VEM PRO GOOGLE

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

PARTICIPE TAMBÉM DESTE SITE!

MAIS DE 1.820.000 ACESSOS. Muito obrigada, de coração!

ESTE É UM DOS MELHORES E MAIORES BLOGS DE PORTUGUÊS

segunda-feira, 30 de maio de 2016

DEMAIS OU DE MAIS: ESCREVE-SE JUNTO OU SEPARADO? OBS.: ADEMAIS.

A orientação dos dicionaristas indica uso diferente para a escrita de "de mais", separado, e "demais", junto, a despeito de serem palavras de mesmo étimo (origem)*. 
A questão fica por conta de quando escrevemos sintética (demais) ou analiticamente (de mais).
O fato é que, além dos poucos casos aqui enunciados (intensidade, outros, além disso, quantidade, preposição e advérbio, preposição e pronome) não há concordância entre... 

segunda-feira, 23 de maio de 2016

COR-DE-ROSA OU COR DE ROSA? MUDOU COM O ACORDO ORTOGRÁFICO?

Cor-de-rosa ou cor de rosa: como ficou o hífen após o acordo ortográfico?
Não se usa hífen em compostos que apresentem elementos de ligação. Exemplos são pé de moleque, pé de vento, dia a dia. 
Mas há exceções, como é o caso de cor-de-rosa, mais-que-perfeito e à queima-roupa.
Vale a observação: o vocabulário ortográfico da Academia Brasileira de Letras registra...

segunda-feira, 16 de maio de 2016

VIAGEM OU VIAJEM: QUAL A FORMA CORRETA? QUANDO USAR? SIGNIFICADO, DIFERENÇA, EXEMPLOS


As duas formas estão corretas. Escrever com ou jota depende do contexto. 
A diferença é que viagem (escrita com ) é substantivosinônimo de jornada. Viajem, com jota é, uma das conjugações do verbo viajar.
DICA:
Para facilitar, você pode substituir, na frase, viagem/viajem por excursão. Se a palavra encaixar bem,com sentido, escreve-se com gê. É substantivo.
Vamos aos exemplos?
Marina chegou de viagem/viajem mais cedo. Substantivo = G: viagem 
Boa viagem/viajemSubstantivo = G: viagem 
No  último mês de abril, Juliana fez uma...

terça-feira, 10 de maio de 2016

QUAL A DIFERENÇA ENTRE TANGERINA, MEXERICA (MEXIRICA OU MIXIRICA?), PONCÃ (PONKAN? PONCAN?) E BERGAMOTA?

como se escreve? regionalismos
A resposta é depende. Para cultivar fruteiras é preciso conhecer a denominação técnica ou se corre o risco de colher o que não se quis plantar.
No dicionário Priberam, que não é um manual de botânica, figura tangerina como sinônimo de mexerica, o que a rigor seria incorreto. 
No dia a dia, entretanto, não há certo ou errado: o que vale é a nomenclatura popular. Na feira, no...

quarta-feira, 4 de maio de 2016

APRENDER OU APREENDER: SIGNIFICADO, DIFERENÇA, EXEMPLOS

Qual é o correto: aprender ou apreender?
Ambos os vocábulos estão corretos, mas seus significados são diferentes.
Aprender, com um "e" (do latim apprendere), é adquirir conhecimento, entender, saber. Também com um "e" se escreve aprender, aprendido, aprendo, aprendeu.
Apreender, com dois "ee" (do latim apprehendere) significa capturar, prender, aprisionar, confiscar, tomar posse, pegar alguma coisa. Com dois "ee" se escreve apreensão, apreender, apreendido, apreendo, apreendeu.
Vamos aos exemplos?

"Saiba onde param as...

segunda-feira, 2 de maio de 2016

DEFENESTRAR: SIGNIFICADO E EXEMPLOS

Fenestra é janela, fresta. Defenestrar vem do francês défenestrer e significa lançar algo ou alguém (também a si mesmo) pela janela ou livrar-se de alguém, alijar, marginalizar.
Vamos aos exemplos?
Ainda bem que a Argentina acordou e defenestrou o kirchnerismo e, oxalá, os ventos dos pampas cheguem até o Brasil. (João Martinelli, em Um estadista para o Brasil, no site A Notícia)
Um fato inusitado está ocorrendo na cidade de Taquarana: o ex-...

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.

DÊ UMA CHANCE PARA SEUS SONHOS. DA CIDADE GRANDE PARA A CASA NA PRAIA, COM UM GRAAAAAANDE TERRENO.
Ser feliz é uma opção e você é livre para viver a vida. Escolha seu sonho. Vale a pena.

QUEM SOU EU

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

Arquivo do blog